7 curiosidades sobre as Casas de Swing
7 curiosidades sobre as Casas de Swing

7 curiosidades sobre as Casas de Swing

por Taboola

Saiba o que vai encontrar em uma Casa de Swing e prepare-se para a pegação

Se você nunca foi a uma casa de swing, é bem provável que a curiosidade seja realmente gigante. Algumas pessoas gostam e sentem prazer em transarem para que outros fiquem olhando e se masturbando com a cena

Com o passar do tempo, alguns casais resolvem investir em novas formas de quebrar a rotina e explorar o prazer a dois. Uma dessas formas, bastante conhecida – e polêmica, é também um dos maiores fetiches masculinos entre quatro paredes: o Swing. Afinal de contas, que homem nunca sonhou com sexo com mais de duas mulheres (ou até homem)?

Segundo uma pesquisa feita pelo Instituto de Pesquisa ProSex, da USP, 8 em cada 10 homens sonham com isso – “na cama, três ou mais nunca é demais”, disseram alguns entrevistados. Mas, se um dia você conseguir a proeza de realizar este glorioso fetiche, é bom estar preparado para bastante ação na cama.

O problema, no entanto, é que incluir outras pessoas na sua relação (ou ser outra pessoa no swing), mesmo que apenas sexualmente, ainda é complicado. Quem está em um relacionamento sério precisa ter cuidado ao abordar a parceira sobre este assunto, já que possui inúmeros prós e contras. Agora, caso você esteja solteiro, o desafio é encontrar um casal, ou casais, a fim de pôr esse fetiche em prática e garantir prazer à vontade sem rolar arrependimento depois.

Se você nunca foi a uma casa de swing, é bem provável que a curiosidade seja realmente gigante. Pensando nisso, e na sua vergonha de compartilhar a sua curiosidade com outras pessoas, selecionamos algumas curiosidades, engraçadas ou não, sobre as casas de swing brasileiras, e o que você pode encontrar nelas. 

#1 – CASAIS PODEM IR... E PESSOAS SOLTEIRAS TAMBÉM
A primeira pergunta quando o assunto é casa de swing é se somente casais podem frequentar estes ambientes. E a resposta é não. Primeiramente é importante lembrar que muitos amigos entram juntos a fim de baratear o valor da entrada já que homens desacompanhados pagam muito mais caro do que o valor do casal. Há casas, inclusive, que se quer aceitam a entrada de homens sozinhos. Mulheres, por outro lado, podem e pagam barato para entrar desacompanhadas a fim de favorecer outros tipos de pegação dentro destes ambientes.
imagem
Geralmente as casas de swing têm corredores ou labirintos em que é possível, e bastante fácil, atiçar sensações e sentimentos, vontades e desejos

#2 – LEMBRA MUITO UMA BALADA
Não fique achando que ao passar pela porta da casa de swing você encontrará dezenas de pessoas transando. Não funciona assim. Pelo contrário, a maioria das casas tem um salão para baladas onde os casais podem se paquerar e se aproximar. Algumas casas de swing oferecem nestes ambientes também pole dances, festas temáticas e fetichistas entre outras particularidades, por isso sempre pesquise bem pelo lugar a fim de encontrar aquele que mais tem a sua cara.

#3 – CELULARES SÃO PROIBIDOS
Parece óbvio o porquê dos celulares serem proibidos neste tipo de lugar, certo? Mas, ainda assim,muita gente acha estranho. As casas de swing são um lugar onde o sigilo deve falar alto (entendeu o trocadilho?), afinal, o assunto é um verdadeiro tabu na sociedade, sendo importante manter a discrição sobre os casais que frequentam este tipo de ambiente.

#4 – HÁ CORREDORES E HÁ LABIRINTOS
Passando para as partes mais quentes e picantes das casas de swing, geralmente elas têm corredores ou labirintos em que é possível, e bastante fácil, atiçar sensações e sentimentos, vontades e desejos. Neste lugar o casal pode se envolver com outras pessoas, seja em sigilo, a partir de fendas e buracos entre as paredes, seja de modo mais claro, convidando-se a compartilharem do prazer a partir de práticas sexuais. A dica é desfrutar desses ambientes, pois eles mexem com o imaginário e garantem um prazer intenso.
Em algumas casas existem quartos compartilhados onde a pegação corre solta e em que é possível sentir até o cheiro de sexo no ar

#5 – TEM PRA TODO MUNDO
Algumas pessoas gostam e sentem prazer em transarem para que outros fiquem olhando e se masturbando com a cena. Outros, por sua vez, gostam justamente de ficar olhando e se inspirando para depois terem a sua vez. Há ainda os casais que são mais reservados e que preferem desfrutar de salas mais fechadas na hora da transa, seja ela apenas entre o casal ou entre um número maior de participantes. O importante é saber respeitar a opção dos demais sem censura e desfrutar das diferentes e prazerosas sensações para quem se permite ir até uma casa.

#6 – ELAS VÃO ALÉM DA TROCA DE CASAL
Outro ponto interessante é que na casa de swing não há necessariamente uma única opção de troca de casais. O sexo pode ser apimentado por ménages, seja com um homem e duas mulheres, ou com dois homens e uma mulher. Também pode ser que você ou sua companheira queiram apenas ficar observando ao invés de brincar. Nestes casos, apenas um dos membros do casal interage com outras pessoas, sejam pessoas desacompanhadas ou casais, enquanto que o outro fica apenas olhando tudo e, quem sabe, se masturbando com o prazer da cena.

#7 – QUARTOS RESERVADOS E OUTROS COMPARTILHADOS
Em algumas casas existem quartos compartilhados onde a pegação corre solta e em que é possível sentir até o cheiro de sexo no ar. Esses são ideais para casais que já estão um pouco mais acostumados com o lugar ou que realmente tenham curiosidade. Mas, caso você não se sinta preparado para transar sob os olhares de pessoas desconhecidas, vale destacar que nas casas de swing existem também quartos reservados onde é possível ir sozinho com a parceira ou arrastando os demais envolvidos na brincadeira.